quinta-feira, 24 de maio de 2018

Saudade


Ó quanta saudade eu sinto...
de tudo e de todos.
Como pode doer e...
ao mesmo tempo...
ser gratificante...
porquê?
Porque tem esse nome...
saudade saudade...
as lágrimas correm...
quando falo esta palavra...
e teimam em cair...
rolam sem parar...
mas porquê?
Tanta saudade...
de tudo e de todos...
de coisas.
Mas as pessoas...
ó quanta saudade...
dessas pessoas.

[Autora:Rufina Lima Mesquita]

Nenhum comentário: