quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Porta

Havia uma porta...
uma porta 
para abrir.
No momento...
estava fechada...
era a porta...
do coração.
Quem poderá ...
abrir a porta?...
Batendo sem parar...
a porta um dia...
abriu e...
assim todo o...
amor contido...
se espalhou pelo ar.
O Mundo ficou...
cheio de amor e paz.
Todas as portas...
se abriram de...
par em par. 
 [Autora; Rufina Lima Mesquita]

domingo, 27 de outubro de 2013

Penso

Meu coração...
parou de bater para pensar...
minha alma fica alegre...
meus pensamentos...
brilham como...
estrelas cintilantes...
pensando na alegria de viver.
Penso...
meu momento...
é de pensar.
No rir penso...
minhas veias...
transportam o pensamento...
e enchem meu coração...
de felicidade.
Prazer de viver.
Alegria de viver.

Autora: [Rufina Lima Mesquita]

sábado, 14 de setembro de 2013

Tempo

Tempo de ficar...
ficar com alegria...
com tempo...
para brincar.
Com o tempo...
vou passar e levar harmonia...
de um tempo...
que não quero esquecer.
Na areia molhada...
o tempo é igual.
Todo tempo...
para registrar...
o meu tempo...
na total paz.
Num amor sem igual.
Belo tempo...
para recordar.

Autora: (Rufina Lima Mesquita)

domingo, 4 de agosto de 2013

Coragem

Tenha coragem...
ela revigora...
mas precisa sentir.
A coragem...
precisa ser alimentada.
Com coragem...
levantamos nossa auto-estima...
temos a força da vida...
ficamos aventureiros.
Na coragem...
vivemos com alegria...
sentimos a bonança.
Todos os dias...
aprendemos a ter coragem.
Viva a coragem.
Autora: [Rufina Lima Mesquita]

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Quem foi

Quem foi que disse
viver é fácil...
quem foi que 
prometeu isso...
quem foi o autor
desse absurdo...
quem foi que disse.
Vou viver sem sentir
quem foi não tem alma.
Viver é uma bênção
e como tudo
precisa ser construída
todos os dias
aparada e bordada
todos os minutos
com muito carinho.
Viver é a maior 
dádiva de DEUS.
[Autora: Rufina Lima Mesquita]

domingo, 12 de maio de 2013

Armazenar

Meu pensamento
é faminto,
pensa sem parar...
armazena
sem descanso.
Fonte infinita...
brotando 
feito grama
no campo...
depois da chuva
que veio
refrescar.
Para a vida recomeçar...
e... mais uma vez
armazenar...
a vivência
do brotar.
[Autora: Rufina Lima Mesquita]

terça-feira, 2 de abril de 2013

A volta


Volto para os braços
dos queridos 
amigos virtuais
cheia de saudades.
Tento apagar
o tempo que 
fiquei ausente,
vou continuar
com mais alegria.
Foi um tempo
de aprendizado,
com retorno
faminto de
sabedoria.
Agradeço a todos 
pela compreensão.
OBRIGADOS.
[Autora: Rufina Lima Mesquita]

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Mudança

Venho avisar
de um tempo
que vou precisar
ficar ausente 
dos amigos virtuais.
Tempo de adaptação
com novos
rituais domesticos.
Dentro de mim
ficar em silêncio
para prestar atenção
e me aconselhar
neste tempo
de movimento com
a certeza de
uma nova vida.
[Autora; Rufina Lima Mesquita]