terça-feira, 15 de setembro de 2009

Chorar


Meu coração chora...
qual o motivo?
Porque as lágrimas...
teimam sair?
Qual o motivo?
Talvez tristeza...
ou não...
chorar sempre é triste...
mesmo quando o choro é de alegria.
Também dá bem estar...
é um descarrego da alma...
e é só teu...
ninguém pode chorar por você.
Sua alma sabe o momento...
só você sente.
Quanta alegria e chora...
quanta tristeza e chora.
Quem entende o choro...
serve para tudo...
alivia e dá prazer.
É a limpeza.
[Autora:Rufina Lima Mesquita]

18 comentários:

Agulheta disse...

Olá querida. Tanta vez apeteçe chorar,mas nem sempre as lágrimas são verdadeiras e reais,gostei do poema.
Beijinho de amizade Lisa

Eliane Santoro da Costa disse...

É uma limpeza,é extravasar a emoção!
Linda postagem,bela expressão,querida amiga!

Beijinhos de papel para secarem suas lágrimas e muito carinho!

AFRICA EM POESIA disse...

acabei de chegar.


Gostei deste chorar...chorar faz bem....

O médico deu ordem para escrever
agora vou começar a
girar por aqui.
porque este meu poema é mesmo um dos meus favoritos eu deixo com um beijo

VELHO


Ser velho
E ser sábio...

Será bom ser sábio?
Será bom ser velho?

Eu preferia...
Não ser sábio
E não ser velho...

Queria ficar...
Não queria ir...
Mas vou...

E vou ficar velho...
E vou-me embora...

Só não saberei...
Se realmente...
Chegarei a ser sábio...

LILI LARANJO

PCR disse...

Verdade...Tantas vezes choramos e por vezes por causa de sentimentos tao contraditorios: tristeza, alegria, tantas emoções...
Poema bonito...
beijinho

walter disse...

Olá amiga!
Como você falou, o choro lava a Alma...alivia todas as dores...
Se me der licença, atrevo-me a transcrever um belíssimo soneto da nossa Grande poetisa Florbela Espanca... que fala do choro... de uma Alma perdida, talvez, como ela própria assim se definisse...concerteza que esta Grande Alma Portuguesa soube melhor que ninguém o significado da palavra CHORO - mas daquele que ninguém vê, aquele, onde as lágrimas correm para dentro...

ALMA PERDIDA

Toda esta noite o rouxinol chorou,
Gemeu, rezou, gritou perdidamente!
Alma de rouxinol, alma de gente,
Tu és, talvez, alguém que se finou!

Tu és, talvez, um sonho que passou, que se fundiu na Dor, suavemente...
Talvez sejas a Alma, a alma doente
Dalguém que quis amar e nunca amou!

Toda a noite choraste... e eu chorei
Talves porque, ao ouvir-te, adivinhei
Que ninguém é mais triste do que nós!

Contaste tanta coisa à noite calma,
Que eu pensei que tu eras a minh`alma
Que chorrasse perdida em tua voz!...

(Florbela Espanca)

Bjs
Walter

EVELIZE SALGADO disse...

É a limpeza!!!! Certamente!

Explodir, extravasar, sentir...choremos.

Muito lindo o poema!!!!!!!!

Bjinhosssss

*Adriana* disse...

Olá, linda poetisa! Algumas vezes chorar é preciso. Então secamos as lágrimas e seguimos em frente. Gosto de pensar que é uma purificação da alma, o choro.

Um grande abraço de carinho
beijos

Maria José disse...

Rufina. Suas poesias são lindas, como você. O que posso falar sobre o choro? Choro quando o meu limite de sentir dor extravasa. Quando minha capacidade de suportar, vai além das minhas forças. Choro quando a garganta dá um nó e sufoca. Choro para aliviar o meu peito. Choro pela saudade que não consigo matar.
Este é um choro de uma saudade que vai ficar até o final de meus dias nesta vida. É o choro da perda da única filha. É o choro da lacuna que fica no peito, te lembrado sempre que falta alguma coisa. Mas também, é o choro que alivia, que limpa e te faz perceber que a vida continua e, basta abrir os olhos e o coração para perceber a infinita beleza do universo. Beijos, amiga, e obrigada por passar no meu espaço. Adoro quando você aparece por lá. Fique com Deus.

AFRICA EM POESIA disse...

Alegria de viver

minha amiga


de trem ou de carro o que importa é que vamos caminhando

para si

um beijinho e bom fim de semana

Canduxa disse...

Querida Amiga,

Chora é limpar a alma, aquele bocadinho que sofre e que nos deixa triste. Depois vem o sorriso que nos abre o coração e nos enche de alegria.
Tudo na vida é importante e não devemos reprimir as nossas emoções.
Lindo poema.
Um grande beijinho cheio de luz e carinho

Maria José disse...

Sempre que abro o seu blog e vejo este jardim lindo, me emociono, porque o local que me vejo conversando com minha filha no Plano Espiritual é mais ou menos desse jeito. Beijos.

Nely disse...

Olá amiga.
Chorar é ser sensivél às coisas boas e más. O choro alegre de dar um abraço há muito desejado, o choro triste da perda de alguém ou de uma mágoa que não conseguimos ultrapassar.
Deus é generoso comigo apesar de todas as lutas da vida, porque quase todos os dias derramo lágrimas de alegria e emoção.
Um beijo com saudades e obrigado pelo teu carinho.

ONG ALERTA disse...

Chorar é descobrir que ainda estou viva, pois percebo as frias lácrimas caindo em meu rosto, chorar...por amor...por acreditar que um dia todos estaremos juntos em algum lugar...chorar para sobreviver.

AFRICA EM POESIA disse...

alegria de viver
Aqui o outono vai chegando já com um cheirinho a Inverno...
Beijos



OUTONO


Estou a ver-te…
Árvore de Outono…
Porque estás nua?
Porque deixaste fugir
As tuas folhas…
E os teus ramos…
Ficaram secos e frios…
Longos e nus…
Porque deixas
Porque sofres?
Porque tem frio?

Porque…
É preciso renascer…
É preciso sofrer…
Para viveres novamente…

E assim árvore nua…
Vais voltar…
Mais frondosa…
Mais bonita…
E…
Vais estar outra vez…
Pronta para a nova primavera…


Lili Laranjo

Silvana Nunes .'. disse...

Muito interessante esse seu cantinho. Voltarei com mais calma para ler, pois encontro-me de saída. Já marquei o meu território (rs).
Convido-a conhecer o meu espaço em FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER...

http://www.silnunesprof.blogspot.com
Saudações Florestais !

Eli. disse...

Oi! Uma ótima semana pra vc!
Bjsss

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

Desde mis BLOGS:

--- HORAS ROTAS ---

y

--- AULA DE PAZ ----

quiero presentarme

en esta nueva apertura

del eminente otoño.

Tiempo que aprovecho

ahora para desear

un feliz reingreso en

la actividad diaria.

Así como INVITAROS

a mis BLOGS:

--- HORAS ROTAS ---

y

--- AULA DE PAZ ----

con el deseo de que

estos sean del agrado

personal.

Momentos para compartir

con un fuerte abrazo de

emociones, imaginación y

paz. Abiertos a la comunicación

siempre.


afectuosamente :
ALEGRIADE VIVER








---- TE SIGO TU BLOG :


ALEGRIA DE VIVER ----









jose

ramon…

*Lisa_B* disse...

Linda,
linda poesia
linda que vc é...
Nem falo do chorar porque a par com muita tristeza são nos ultimos tempos os meus companheiros mas lá se vai esperando dias melhores.
Beijinhos