domingo, 12 de maio de 2013

Armazenar

Meu pensamento
é faminto,
pensa sem parar...
armazena
sem descanso.
Fonte infinita...
brotando 
feito grama
no campo...
depois da chuva
que veio
refrescar.
Para a vida recomeçar...
e... mais uma vez
armazenar...
a vivência
do brotar.
[Autora: Rufina Lima Mesquita]