domingo, 20 de junho de 2010

O vento


O vento chegou...
veio para alegrar...
com sua cor...
temperar nosso olhar...
no balançar das folhas...
risos vamos escutar.
Suave ou agitado...
dança sem parar.
Vento de todos os sons.
Vento para suavizar...
batendo ou acariciando...
numa brisa refrescar.
Vento com seu cantar...
veio para ficar.
Qual é a mensagem?

[Autora: Rufina Lima Mesquita]

35 comentários:

Um dia de cada vez... disse...

Bom dia!

Rufina a vida nos prega muitas peças. Apesar de católica, creio que a vida é muito mais do que me ensinaram lá, acredito em reencarnação, acredito na força de pensamento e é nisto que quero falar. Ontem eu estava mais pensativa, voltada mais para meu eu interior, lembranças do passado, saudades. Lembrei´me de um dos primeiros livros que li na adolescencia, fazia parte da trilogia O TEMPO E O VENTO de Érico Veríssimo. A partir daí, não sei dizer por quê, o vento para mim é sinônimo de mudanças, fato novo na minha vida e para minha surpresa vc posta um poema sobre o vento! Só coincidência? Não acredito. Ou será que sou fantasiosa?^
Perdoa o falatório... Lindo poema sobre o vento, que para mim tem muitos significados.

abçs
Adriana

walter disse...

Oi amiga... e aí tudo jóia?

Ventinho é bom, né... contando que seja tropical, e especialmente aquele que vem salpicado de água do mar quando estamos sentadinhos na pedra do Arpoador deitando nosso olhar deslumbrado à Gavea e ao morro dois irmãos... ah! e de água de côco na mão... muito maneiro né?


Pelo jeito, o vento estava de feição... ele também tem esse poder de sarar o que dói!

Olhe! mas... cuidado com os "vendavais", esses não curam nada mesmo, só estragam, se afaste deles!:))

Um beijo grande

Walter

Lilah disse...

Eu diria que a mensagem...
é arejar para aprender a amar!!!!

Saozita disse...

O vento, por vezes é incómodo, outras vezes ajuda a suportar o calor, mas é o vento que ajuda na polenização, o mesmo que permite a criança lançar o papagaio de papel.

Tem uma boa semana amiguinha.
Bjs

Vieira Calado disse...

O vento traz todas as mensagens que quisermos...

Saudações poéticas

manuela baptista disse...

Rufina

sem vento
ficamos parados
no tempo

...a mensagem? é a que quisermos encontrar!

um beijo ventoso

Manuela

Maria José disse...

Rufina. Lindo poema. Em cada instante de nossa vida temos escolhas, cientes ou inconscientes e elas constroem o que somos ou deixamos de ser. Beijos, e obrigada por sua amizade.

FlorAlpina disse...

Olá Rufina,
A mensagem é sentida com a subtileza ou a força do vento, depende do momento...

Muito obrigada pela força das suas palavras deixadas no meu cantinho, estava mesmo a precisar...

Bjs dos Alpes

Eli. disse...

Lindo texto! Amei! Pode ter vários significados: paz, alegria... Dependendo da inspiração do autor, no caso autora rs. Gostei demais, muito lindo mesmo, parabéns! Um abraço, amiga.

Brancamar disse...

A mensagem é de esperança, linda Rufina!

E que bom ler um poema tão bonito sobre o vento. Adoro vento, vento suave, brisa do mar ou ou mesmo o vento mais agreste da montanha, vento é caríca na pele.

Beijinhos e que muito bons ventos a acompanhem.

Branca

Agulheta disse...

Rufina. Nesta página encontro palavras que fazem bem a minha alma,amor ternura e sentimentos,assim como este poema,onde o vento alegra a tempera o olhar.
Beijinho Lisa

Mariana disse...

O vento pode ser destruidor, mas precisamos dele, na medida certa.
eu o adoro sentir na praia.

Saozita disse...

Querida, Rufina. Passo para te agradecer a tua passagem no meu blogue, e desejar-te uma excente semana.
Bjs com amizade

Eliane disse...

Querida amiga!
Que lindo poema!Amei!
Beijinhos com muito carinho!

crônicas disse...

Bom dia Rufina,

Que apenas os bons ventos estejam em tua vida nessemomento.
Obrigada pelas visitas aos meus blogs, fico feliz com tua sempre presença.
Bom final de semana.

bjs
Adriana

Silvia disse...

Rufina, o vento pode mudar as coisas de lugar e, como toda a mudança, pode nos causar medo, insegurança ou expectativa. Mas, não temos como evitar.
Que bons ventos tragam alegrias pra ti neste fim de semana.
Abraço

lili laranjo disse...

RUFINA
Fica um beijinho e ocarinho.
já estamos à tua Espera.
Portugal tem os seus encantos vem vivê-loo

Um beijo

A mensagem do vento é sempre...uma incógnita...


Beijos

Lilá(s) disse...

Esse vento assim descrito parece-me encantador...
Bjs

Sofia Carvalho disse...

A mensagem, querida é ouvires o vento a sussurrar, verás que ele te dará resposta:)
Beijos minha querida!

CarlaSofia disse...

O vento traz mudança...

. intemporal . disse...

.

. aqui,,, o vento é de alento . de talento .

.

. entre.brisas onde a palavra re.invento .

.

. um bom fim.de.semana .

.

. um beij.íssimo meu .

.

. paulo .

.

Maria disse...

Querida amiga eu adoro o som do vento nas folhas das arvores, lembra-me sempre a minha infância, quando ia de férias para casa dos meus avós e ouvia o vento nas folhas dos eucaliptos.
Lindo poema! adorei!!!
Aproveito para desejar um excelente fim-de-semana.
Bjs do tamanho do infinito
Maria

ValeriaC disse...

Rufina querida, tantos são os ventos da vida... é preciso consciencia em escolher qual queremos que vigore, ao menos na maior parte de nossa vida...plantamos e colhemos...se cuidarmos deste semear...nada teremos a temer com o que colheremos...
Que seu dia...que sua vida seja de brisas suaves...com perfume de flores...
Estou a seguir seu blog de pertinho...gostei muito daqui...voltarei...

Beijo
Valéria

Vieira Calado disse...

Vim ver se havia novidades...

Bjs

ValeriaC disse...

Tenha um serena e feliz semana!
Beijos
Valéria

pensandoemfamilia disse...

Olá passei para conhecer seu blog e aqui deixo minha interpretação do poema.
Mudanças que a vida traz que pode provocar vários sentimentos, mas que de qualquer forma acarreta consequência.

AFRICA EM POESIA disse...

Rufina

è para ti com amor... amiga das primeiras horas do blog...


Beijos

Sandra Rossi disse...

O vento sempre trazendo a melhor mensagem para nosso coração.

BJuS honey e fique com Deus!

GEEL - Grupo Espírita Esperança e Luz disse...

O vento que vem e que vai
é como sentir um pouco Deus
a nos tocar
Basta parar um segundinho
para tudo notar.
Beijos minha querida,
Sonia com carinho!

Multiolhares disse...

O vento trás mudança, mostra a sua força, a sua raiva, mas a brisa suave também nos acaricia
beijinhos

Eli. disse...

Linda semana pra ti amiga, fique com Deus!

AFRICA EM POESIA disse...

RUFINA

Deixo poesia... e um beijo

CORAÇÃO


Dentro do meu peito, pequenino
Não há só veias, artérias ou sangue.
Dentro do meu peito, abrigado
Existe um coração que vai batendo...


Batendo, contra tudo e contra todos
Batendo e amando tudo, ao redor
Mas batendo e sofrendo a toda a hora
Pois ama e suspira por amor...


E será que vale a pena ele suspirar?
Será que vale tanta pena e tanta dor...
Porque haverá o coração de ser sempre
A peça que dentro de nós mais sente a dor?


Porque haverá o Amor que é tão belo...
De ser o que de pior no mundo existe?
Porque será que com tanta dor
Eternos amantes serão sempre o coração e o amor...


LILI LARANJO

. intemporal . disse...

.

. passo e re.passo e deixo o beijo de hoje . e o de sempre .

.

crônicas disse...

Olá Rufina!

Obrigada pelo carinho de suas visitas. Estou aqui para te avisar que precisarei me afastar dos meus blogs, por algum tempo, ficarei sem postar, mas sempre que eu puder voltarei aqui para te visitar.

bjs
Adriana

Fernanda disse...

Fechar os olhos e sentir o vento por vezes me da' coragem e abana afastando um pouco a dor. Por vezes me sinto como o vento, forte capaz de enfrentar tudo, por vezes sou fragil brisa que se deixa ir ao sabor dele, ate me encontrar.