quarta-feira, 15 de abril de 2009

Fila


Os homens caminham sobre a Terra em fila indiana, cada um carregando uma sacola na frente e outra atrás.
Na sacola da frente nós colocamos as nossas qualidades.
Na sacola de trás guardamos os nossos defeitos.
Por isso, durante a jornada pela vida, mantemos os olhos fixos nas virtudes que possuímos, presas em nosso peito.
Ao mesmo tempo, reparamos impiedosamente, às costas do companheiro que está adiante, todos os defeitos que ele possui e nos julgamos melhores que ele, sem perceber que a pessoa andando atrás de nós está pensando a mesma coisa a nosso respeito.
Mude, ainda dá tempo... E não esqueça!
[Autor:desconhecido]

3 comentários:

manzas disse...

Nos lençóis de seda em mar sereno
Tocam os dedos de um sol madrugador…
Desperta o planar de uma gaivota
No desabrochar de uma fina flor

Desamarro das margens do rio
Batel pintado com cheiro de jardim…
Redes enleadas no engodo do amor
Veste-se tímida a manhã num cais de cetim

Um resto de uma boa semana
Na rota dos sonhos!
Bem-haja!

O eterno abraço…

-MANZAS-

Eliane Santoro da Costa disse...

Lindo texto querida amiga Rufina!
É olhar o que está no outro é fácil,o mais difícil é olhar o que está em nós principalmente os defeitos.Colocamos na sacola de trás porque não queremos assumir,não queremos lembrar,porque senão teremos que nos esforçar para melhorar.Temos que ter isso sempre em mente!
Beijins de luz!

Isabela Lennon disse...

Concordo plenamente com esse texto!

:)